31ago 2016

O estilo de A princesa e o plebeu (Parte 1)

Post por às em Audrey Hepburn

Quem acompanha o Estilo de Audrey há um tempo sabe que eu gosto muito de escrever sobre os figurinos dos filmes que a Audrey Hepburn protagonizou lá nos anos 1950 e 1960. Já falei sobre a moda dos filmes Bonequinha de Luxo, Cinderela em Paris e Sabrina, que por ser clássica é fácil de se manter atual com apenas algumas adaptações. E dessa vez escolhi falar sobre o estilo de um dos meus filmes preferidos da Audrey e que também foi o primeiro de sua carreira de atriz em Hollywood: A princesa e o plebeu (Roman Holiday, no original).

Para contextualizar, no filme Audrey interpreta a princesa Ann que, por estar em uma tour por países da Europa, se sente exausta de suas obrigações e itinerários como princesa e acaba fugindo de onde estava hospedada e passa o dia explorando as ruas de Roma na companhia de Joe Bradley, um cavalheiro que ela não faz ideia de que é um jornalista a fim de conseguir um furo de reportagem com sua história.

Com A princesa e o plebeu, Audrey Hepburn ganhou o Oscar de melhor atriz, e apesar de haver pouquíssimas trocas de roupa no seu decorrer, o filme também ganhou o Oscar de melhor figurino em preto e branco. E justamente por isso, dessa vez decidi focar em um look específico que a personagem de Audrey usa na maior parte do filme, quando foge da realeza, e que vai se modificando sutilmente, de acordo com o desenvolvimento da personagem.

A sequência de transformações do look

A sequência desse look começa com a princesa Ann vestindo uma camisa branca abotoada até o colarinho, com uns “frufrus” destacáveis e mangas longas; uma saia mídi de pregas, com bolsos e uma saia de armação por baixo; um cinto largo marcando bem a cintura fina de Audrey, luvas brancas e nos pés um sapatinho de salto.

moda-roman-holiday-audrey-hepburn-2

moda-roman-holiday-audrey-hepburn

A primeira mudança foi deixar as luvas, muito formais, de lado. Depois, Ann faz sua primeira interação com pessoas “normais” quando compra uma sandália rasteirinha de amarrar no tornozelo, muito mais adequada para anadar pelas ruas de Roma.

moda-roman-holiday-audrey-hepburn-4

Mais à frente, Ann decide cortar o longo cabelo e deixá-lo em um corte pixie. Essa sua decisão simbolizou a liberdade de toda a pressão de viver uma vida de princesa.

moda-roman-holiday-audrey-hepburn-5

moda-roman-holiday-audrey-hepburn-6

Depois de ter seu cabelo cortado e antes de comprar sorvete, as mangas são arregaçadas e a camisa é deixada um pouco desabotoada, como que criando um decote V. Essa é uma forma de Ann se sentir mais confortável com ela mesma e com o calor de Roma.

moda-roman-holiday-audrey-hepburn-7

moda-roman-holiday-audrey-hepburn-8

moda-roman-holiday-audrey-hepburn-9

Em seguida, a personagem aparece com um lenço curtinho e listrado no pescoço. Na realidade, essa foi uma forma que a figurinista Edith Head encontrou para esconder as clavículas ossudas de Audrey (que ela via como um defeito).

moda-roman-holiday-audrey-hepburn-10

moda-roman-holiday-audrey-hepburn-11

Para finalizar o ciclo de transformações desse look, a camisa volta a aparecer fechada até o colarinho, agora com o novo lenço listrado. Acredito que essa mudança aconteça porque Ann é acostumada a trocar de roupa do dia para noite e isso mostra que ela não deixou totalmente pra trás seu mundo como princesa.

moda-roman-holiday-audrey-hepburn-12

Enfim, toda essa sequência de transformações do look se reflete no desenvolvimento da personagem. Ela precisava de seu dia de liberdade em Roma para se tornar mais confortável com ela mesma e confiante em seu papel como princesa. Além disso, a gente também pode ver na prática o quão versátil podem ser as roupas, e é justamente sobre isso que vou comentar na segunda parte do post! Espero que gostem!

09ago 2016

Brincos de pérola: a escolha #1 de uma Bonequinha de Luxo

Post por às em Moda

Quem, assim como eu, se inspira em Audrey Hepburn não consegue ignorar um belo par de brincos de pérola, né? Aliás, não deixando de lado também outros acessórios como os colares de pérolas, que também brilharam muito no papel principal de um dos filmes mais amados por quem gosta de moda: Bonequinha de Luxo.

holly-golightly-audrey-hepburn

Passeando na frente da joalheria Tiffany, Holly Golightly gastava uma boa parte do seu tempo apreciando joias e sonhando com a vida que gostaria de ter, enquanto uma bela trama se desenrolava, exibindo um estilo único, que até hoje fascina e influencia muita gente.

“Uma mulher precisa de voltas e voltas de pérolas”

Essa frase foi dita por Coco Chanel em 1910, ao abrir sua primeira boutique. Na época, Chanel se referia aos colares, mas talvez ela não imaginasse como as pérolas invadiriam também os closets, porta jóias e outros acessórios nas décadas seguintes.

Se na época, um colar de pérolas era sinal de elegância e sofisticação, hoje, as pérolas ganham tantas outras posições, que fica até difícil enumerar todas elas! De brincos de bebês a brincos de noivas, de colares de vovó até maxi colares de it girls. Isso sem falar em como as pérolas funcionam bem com diversos estilos diferntes!

Mise en Dior: o clássico brinco de pérola repaginado

brincos-perola-mise-en-dior

pérolas-mise-en-dior-emma-watson

rihanna-perolas-mise-en-dior

Quem gosta de brincos de pérola certamente não passou imune à temporada de lançamento da Coleção Mise en Dior. São brincos simples, com duas pérolas, sendo uma maior e outra menor, colocadas na frente e atrás do lóbulo da orelha.

Os brincos, que foram considerados os mais famosos do mundo, também já podem ser encontrados em diversas lojas brasileiras, em versões inspiradas, que custam bem menos e se tornaram muito mais acessíveis, além de, claro, terem ganhado uma infinidade de variações de modelos, como os coloridos, os folheados a ouro, modelos com filigrana, em prata, em ródio, etc. E na Joias Boz, que é nova parceira do Estilo de Audrey, a gente encontra os brincos Mise en Dior inspired em diversas versões super legais! Eu adorei!

Acho que graças à Dior e sua brilhante ideia, os brincos de pérola foram apresentados a uma nova geração, que talvez ainda não tinha olhado pra eles com a atenção merecida e passou a procurar mais itens com as delicadas e charmosas “bolinhas” tão amadas por quem já era adepta a um estilo clássico e elegante.

E aí, o que vocês acham das pérolas? Também curtem os brincos Mise en Dior?

04jul 2016

Look: Listras, saia longa e coturno

Post por às em Look

Esses dias fiz um post de apreciação de blusas listradas, vocês lembram? Depois disso fui ver nos arquivos do blog e percebi que eu ainda não tinha publicado nenhum look com essa peça queridinha (shame on me!). Então resolvi fotografar o look de hoje, que combina a blusa de listras com outras peças e acessórios que eu gosto muito, como a saia longa, o coturno, o óculos de sol e a gargantilha.

look-listras

A blusa é um cropped de malha da Gang, e que é super confortável de vestir. Já combinei ela com calça de cintura alta, com saia curta, e dessa vez com essa saia longa, também da Gang, que tem uma fenda na frente, mais pra lateral (como eu falei no outro post, blusa listrada combina com tu-do!).

Como a ideia era manter o look casual, nos pés usei o meu coturno, que já apareceu outras vezes no blog (aqui e aqui). Sei que muita gente torce o nariz pra combinação saia longa + coturno, mas eu gosto e acho cool. O que vocês acham?

look-listras-2

E como o decote da blusa é bem aberto, achei interessante usar essa gargantilha, no estilo choker (já fiz um post sobre isso também!). Essa minha é de metal, em um tom de bronze, com um padrão de vazados que eu achei bem bonitinhos.

look-chocker

E por fim o óculos de sol! Combinei ele com batom vermelho, que já fazia um tempo que eu não usava (porque tô indo mais pros vinhos e rosa antigo ultimamente). Vocês podem ver que eu desisti de ficar sem franja e cortei ela de novo (ooops!) e usei esse coque bagunçado porque o meu cabelo tá em um comprimento bem chatinho porque eu tô deixando ele crescer.

look-listras-3

E aí, o que vocês acharam do look?